segunda-feira, 28 de setembro de 2015

MENSAGEM DO PRESIDENTE 2015/2016 K. R. RAVINDRAN

 Prezados rotarianos,

Nos anos 30, Ole Kirk Christiansen, um carpinteiro dinamarquês, tinha uma placa de madeira pendurada na parede onde estava escrito “Det bedste er ikke for godt” (apenas o melhor é bom o suficiente). Hoje, Christiansen é lembrado como o inventor do LEGO, os coloridos tijolinhos de plástico adorados pelas crianças. Mas no começo, seu produto mais conhecido era um pato de madeira – feito com o mais alto padrão de qualidade, construído com madeira envelhecida e coberto com três camadas de verniz incolor. 
A história da empresa LEGO ilustra como Christiansen usou seus patos para ensinar uma lição de qualidade ao seu filho, Godtfred Kirk: Certa noite, quando cheguei no escritório, disse ao meu pai: 

“Tivemos um dia bom, pai. Ganhamos um pouquinho mais”. Ele rebateu: “O que você quer dizer?”. Eu falei: “Bem, acabo de voltar da estação, para onde levei duas caixas dos patinhos de madeira para a cooperativa dinamarquesa. Geralmente colocamos três camadas de verniz, mas como eles eram para a cooperativa, aplicamos apenas duas. Então, economizei um pouquinho para a empresa”. Ele olhou para mim desapontado e disse: “Godtfred, vá buscar as caixas e passe mais uma camada de verniz nos patos. Você só irá dormir depois que tiver terminado, e fará o trabalho sozinho”. Com o papai não havia discussão. E foi assim que eu aprendi uma lição sobre o significado de qualidade.

Hoje, os padrões de qualidade do Grupo LEGO são muito conhecidos e seus produtos são os brinquedos mais populares do mundo: existem 86 peças de LEGO para cada ser humano. Todos reconhecemos que este sucesso está diretamente ligado às práticas da empresa – sua insistência em qualidade, eficiência e inovação. Ao fazer uma comparação com o nosso empenho nas áreas de governança e prestação de contas, percebo que, às vezes, não alcançamos os padrões esperados.

Os líderes do Rotary International, das zonas, dos distritos e dos clubes devem manter os maiores padrões de qualidade no que diz respeito à governança. O presidente e os diretores do RI devem servir aos associados de maneira significativa; os líderes zonais devem fazer com que o investimento do Rotary em sua capacitação valha a pena; os administradores distritais devem demonstrar liderança e se concentrar em transparência na administração e na apresentação dos relatórios financeiros; e os dirigentes dos clubes devem enviar à organização os relatórios exigidos e usar o Rotary Club Central.

Assim como Christiansen se recusou a enviar um produto de qualidade mais baixa aos seus clientes, nós também devemos nos recusar a colocar menos empenho no nosso trabalho. Devemos sempre exigir o melhor de nós mesmos – na nossa vida profissional e, especialmente, no nosso trabalho rotário.

Qual o produto da nossa organização? Não são patos de madeira ou tijolinhos de plástico. Nossos produtos são educação, água, saúde, paz, esperança e a própria vida. Para este trabalho, apenas o melhor é bom o suficiente. Peço a vocês que se lembrem disso e se esforcem ao máximo para 
Serem um Presente para o Mundo.

Atenciosamente,

K.R. Ravindran

Presidente do Rotary International de 2015-16

sexta-feira, 18 de setembro de 2015

CONVITE PARA ATO SOLENE EM HOMENAGEM À SEMANA FARROUPILHA

O Rotary Club de Porto Alegre Beira-Rio convida todos os associados, familiares e amigos para o ATO SOLENE NA PRAÇA PIRATINI  às 11h15min do dia 20 de setembro de 2015, em comemoração à Revolução Farroupilha, local onde está a pedra ilustrando uma homenagem desta semana que os gaúchos comemoram com muito orgulho. Será cantado o Hino Riograndense junto com o CTG ESTÂNCIA DA FIGUEIRA, DE BELÉM VELHO, nosso parceiro.  Também serão entregues as bandeiras para a patronagem do CTG. 

Saudações Rotárias!
João Torres,
Presidente.

sábado, 5 de setembro de 2015

NOSSO CLUBE COMPLETA 48 ANOS DE ADMISSÃO EM ROTARY INTERNACIONAL


Hoje nosso ROTARY CLUB DE PORTO ALEGRE BEIRA-RIO está completando o 48º Aniversário.  Na noite de ontem festejamos esta data com jantar festivo realizado no Ritter HOTEL, com a presença do nosso Governador do Distrito 4680 Sr Iedo Fries,  Companheiros representantes do ROTARY CLUB AVELLANEDA de BUENOS AIRES Srs Raul Telesca e José Rapetti, Companheiros do ROTARY CLUB DE PORTO ALEGRE BOM FIM, do ROTARY CLUB DE PORTO ALEGRE TERESÓPOLIS e do ROTARY CLUB PORTO ALEGRE SUDESTE, a nossa Governadora Assistente Mara Vogt Nogueira, os Companheiros Claudete Sulzbacher e José Carlos Marques Volcato, representantes do projeto Maior Refeição do Mundo,  amigos e representantes da Maçonaria, representantes da Pequena Casa da Criança,  APAE, Amparo Santa Cruz. Agradecemos o carinho de todos que nos prestigiaram e fizeram com que a noite fosse um sucesso. Um grande abraço. João Torres  - Presidente 2015/2016.



sexta-feira, 4 de setembro de 2015

Presidente Ravindran faz alerta para um novo Rotary



Ravidran, Presidente do Rotary International, alerta para um novo Rotary que está surgindo
O presidente do Rotary International, KR Ravindran, no encerramento do 38º Instituto Rotary Brasil, realizado no Rio de Janeiro, fez um alerta aos rotarianos brasileiros presentes ao evento que reuniu 1.115 rotarianos de todo o Brasil e exterior. Segundo o dirigente máximo da organização mundial, o Rotary precisa resgatar valores, apontar dirigentes por méritos e promover corte de custos em todos os sentidos. “É preciso enxergar o Rotary como enxergamos nossas empresas”, disse o líder rotário que participou do evento e admitiu estar entusiasmado com as atividades dos rotarianos no Brasil. “Fazia ideia de como o Rotary era forte por aqui, mas não tão intenso como verifiquei”, disse no discurso de encerramento.

Ao explicar os três pontos que considera importantes na gestão 2015-16, Ravindran (que é do Siri Lanka, associado do Rotary Club de Colombo) é preciso promover líderes que façam por merecer e que estejam preparados. “Uma liderança é percebida desde o princípio”, falou. “Não podemos colocar pessoas em cargos estratégicos e importantes pela simpatia ou por tempo de associativismo”, apontou ao exemplificar casos que promoveu ao colocar pessoas com competência em cargos importantes. “Em nossas empresas promovemos aqueles que fizeram por merecer, e monitoramos os resultados”, disse. “Não cumpriu metas estabelecidas, troca-se de líder”, falou em tom forte e sério.

Sobre os custos, Ravindran por diversas vezes durante o evento realizado em três dias, falou que o custo rotário não é caro, e sim a criação de eventos entre Presidentes e Governadores que encarecessem a atividade rotária. “Não é preciso inventar e sim, aproveitar as oportunidades capacitando melhor os rotarianos para os cargos e funções importantes”, falou ao anunciar uma economia de US$ 2 milhões em menos de dois meses de gestão. “Esse dinheiro é do rotariano e não do dirigente”, falou ao exemplificar o que tem exigido da equipe de trabalho que lidera. “Cada líder rotário tem que dar valor neste investimento, afinal, são os rotarianos que investem neste trabalho”, frisou ao ter uma conversa séria com os dirigentes brasileiros da organização neste sentido.

A inversão de valores foi outro tema importante apresentado pelo Presidente do Rotary International. Ravindran contou como aconteceu a indicação dele para o cargo máximo da organização. Disse que fez algumas imposições como: recuperar valores rotários e enxugar os custos. “Faria isso em qualquer organização ou empresa que eu fizesse parte”, explicou ao lembrar da Prova Quadrupla, do caráter do rotariano e principalmente dos princípios éticos do ser humano e das classes sociais. “Precisamos ver no passado o que fez com que o Rotary se tornasse na maior organização não governamental e principalmente da credibilidade que detém”, evocou KR Ravindran que enquanto esteve no Rio de Janeiro participou de todas as sessões plenárias, respondeu perguntas, atendeu rotarianos, foi descontraído, agiu duramente com algumas situações e se reuniu com lideranças brasileiras constantemente.

Foram realizadas nove sessões plenárias e cinco grupos de trabalhos: Rotary em Ação, Ações de Sucesso no Brasil, Proteção do Planeta Terra, Rotary no Brasil e Fundação Rotária. “Houve uma participação intensa dos rotarianos do Brasil em todas as sessões e nos grupos de trabalho, mais do que esperávamos”, disse satisfeito o Diretor do Rotary International, o empresário José Ubiracy Silva, associado do Rotary Club do Recife, no Distrito 4500 do Rotary International, ao anunciar o próximo instituto para agosto de 2016 em Recife, Pernambuco.